top of page
  • Foto do escritorRené Santos Neto

Cancelamento da Palestra de Deltan Dallagnol na UFPR: Reflexo de Polarização ou Censura?

O cancelamento da palestra do ex-deputado federal Deltan Dallagnol na Universidade Federal do Paraná (UFPR), agendada para 17 de novembro de 2023, trouxe à tona intensas discussões sobre liberdade de expressão e o atual estado de polarização política nas instituições de ensino superior do Brasil.


O evento, intitulado "Voz e vez: a liberdade de expressão e o combate à corrupção", seria realizado no prédio de Direito da UFPR, alma mater de Dallagnol. O ex-procurador da Operação Lava Jato e figura controversa no cenário político, planejava abordar temas relacionados à liberdade de expressão e seu papel no combate à corrupção.


No entanto, o Diretório Central dos Estudantes (DCE) da UFPR mobilizou-se contra a realização da palestra, alegando que ela era organizada por um grupo de extrema-direita e que Dallagnol representava uma ameaça à integridade do ambiente universitário. Seguindo uma série de protestos e debates, a direção do Setor de Ciências Jurídicas optou por cancelar o evento, citando preocupações com possíveis tumultos e atos de violência.


Deltan Dallagnol criticou veementemente a decisão, considerando-a um ato de censura e um reflexo do autoritarismo intelectual que, segundo ele, vem se instalando nas universidades brasileiras. Em contrapartida, o DCE declarou o cancelamento como uma vitória do movimento estudantil e dos setores progressistas da universidade, afirmando que a UFPR demonstrou não ser um local para a propagação de ideologias extremistas.


Este episódio traz à luz importantes questões sobre os limites da liberdade de expressão em ambientes acadêmicos. Por um lado, está a necessidade de manter as universidades como espaços seguros e inclusivos, livres de discursos que possam incitar ódio ou violência. Por outro, surge o perigo de se restringir o debate de ideias e a expressão de pensamentos divergentes, essenciais para o desenvolvimento intelectual e democrático.


A situação na UFPR reflete um cenário mais amplo de polarização política, onde o diálogo construtivo entre diferentes visões de mundo se torna cada vez mais desafiador. Universidades, historicamente vistas como bastiões da liberdade de pensamento e expressão, agora se veem no centro de disputas ideológicas intensas.


Em conclusão, o cancelamento da palestra de Deltan Dallagnol levanta importantes interrogações sobre o papel das universidades na sociedade contemporânea. Como as instituições de ensino superior podem equilibrar a promoção de um ambiente acadêmico seguro e inclusivo com a preservação da liberdade de expressão? Esta questão, sem dúvida, continuará a ser um tópico de debate acalorado no cenário educacional e político do Brasil.




22 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page